Depois de vários meses estou voltando ao meu blog. A correria da vida faz com que não percebamos o tempo que nos escapa por entre os dedos. Faz inclusive que esqueçamos daquilo que nos entusiasma a alma.

Estes últimos meses foram um tanto conturbados, o pouco tempo que me sobrava durante um dia eu ainda aproveitava de forma pouco eficiente. Pensei: Será que preciso de uma agenda para compromissos de lazer? Acho que ainda não.

Tenho lido pouco. Mas tenho assistido séries e filmes que instigam a imaginação. Em 2011 me dediquei mais profundamente aos meus estudos do fascinante continente asiático. Comecei a estudar mandarim e coreano, o que me fez rever aspectos de quando estudei a língua japonesa. Creio que a minha paixão pelos idiomas cresce tanto quanto minha paixão pelas letras.

Letras… não consigo ficar muito tempo afastado delas. Creio que um homem que não escreve é um homem que não vive. O que eu não vivo por meio da minha vida, vivo por meio do meu texto. Sendo assim, em 2011 vivi menos. Espero viver mais em 2012. E, aliás, já acabou o primeiro mês do ano.

Anúncios